domingo, 13 de outubro de 2013

Bridgit Mendler, uma loira ambiciosa



Há pouco tempo, Bridgit Mendler posou para a marca de roupas Aritzia. Além do ensaio fotográfico realizado, a cantora concedeu uma pequena entrevista, onde falou um pouco sobre a canção “
Blonde“, como foi sua jornada até se tornar protagonista de “Boa Sorte, Charlie!“, além de comentar sobre o seu aguardado segundo álbum de estúdio.
Confiram a matéria traduzida abaixo:


AMBIÇÃO LOIRA Bridgit Mendler é o melhor tipo de estrela pop moderna: Ela atua, ela canta, ela dança… Bom, escolha o seu retrato.
Bridgit Mendler, de fato, sabe que as loiras se divertem mais. A cantora e atriz diz isso a si mesma em sua cativante canção, “Blonde”. Amada em um programa de TV e com um álbum de estreia de sucesso em seu currículo, a estrela em ascenção ainda tem muito para provar.
“Eu só tinha o desejo de escrever uma canção sobre ser loira!”, diz Mendler. “Mas ninguém deve se sentir governado por seu estereótipo. Todos devem ter a liberdade de ser quem são.” E Mendler, que está a poucos dias de fazer 21 anos, sempre foi uma performer. Ela foi criada em Washington DC, onde ela diz: “Não seria sempre uma festa dançante após o jantar.” Quando ela tinha oito anos, sua família mudou-se para São Francisco. Aos 13 anos, ela conseguiu um pequeno papel em seu primeiro show, em General Hospital. Desde os 16 anos, ela mora em Los Angeles. “Acho que se eu pudesse voltar atrás, eu iria abraçar a experiência do colegial com mais força”, Mendler admite. “Isso é algo que você não consegue fazer quando está nessa indústria. Mas, na época, eu tinha uma visão de fechada.”
Em 2010, ela teve sua grande oportunidade com um papel na série original da Disney “Boa Sorte, Charlie!”. “Eu já estrelei em JONAS da Disney e os Feiticeiros de Waverly Place, por isso foi uma transição suave”, explica Mendler. Ela interpreta Teddy Duncan, uma corajosa irmã mais velha de Charlie, agora em sua quarta e última temporada. Em cada episódio, Teddy grava um vídeo diário para orientar Charlie enquanto ela cresce, mas sendo a adolescente que ela é, está mais preocupada nos meninos do que em bancar a babá. “Ela passou por algumas experiências de vida, por algumas mágoas, desafios e novas responsabilidades. Tudo que faz parte do crescimento”, diz Mendler sobre sua personagem. “Eu cresci assim, como uma pessoa e atriz. É agridoce, porque era um capítulo tão feliz na minha vida. Mas estou animada para ver o que vem a seguir.”
Nesse meio tempo, Mendler foi capaz de passar mais tempo cantando. Durante esse período, Mendler não só estrelou, mas também cantou na trilha-sonora para filmes de TV como “Boa Sorte, Charlie: É Natal!”, e “Lemonade Mouth”, bem como em filmes de animação Beverly Hills Chihuahua 2 e O Mundo Secreto de Arrietty. “Por um lado, é bom interpretar um personagem de um livro que os leitores já conhecem e já se apegaram”, diz Mendler sobre Arrietty. “É um desafio viver de acordo com sua visão.” Com base no livro de 1952 de Mary Norton, Arrietty foi adaptado pelo Studio Ghibli, uma empresa de filmes japonês, e a versão americana também conta com a vozes de Carol Burnett, Amy Poehler e Will Arnett. A canção de Mendler para o filme, a extravagante “Summertime”, inspirou a atriz a escrever seu próprio álbum pop, “Hello My Name Is…”, que ela lançou em outubro do ano passado. O single “Hurricane” foi #1 na Billboard Bubbling Under Hot 100. “Eu nunca tinha escrito música pop antes, então eu só queria que fosse divertido e experimental”, diz Mendler. “Estou muito orgulhosa da resposta das pessoas a este álbum, e em como elas foram impactadas por ele.” Ela já está trabalhando duro em um segundo álbum, para o qual ela planeja ser mais pessoal. “Eu realmente quero que este álbum seja genuíno”, explica ela. “Eu tenho dificuldade em escrever sobre questões pessoais, porque não há tanta pressão para explicar as coisas da maneira certa quando eu invento uma história, que eu posso simplesmente deixar acontecer.”
Como um roteiro de filme, talvez? Naturalmente, Mendler já esta a um passo à frente: “Eu já tenho ideias”, ela diz com uma risada. É claro que ela não tem a intenção de parar por aí. “É tão libertador parar e pensar onde uma ideia pode levá-lo. Essa é a parte mais legal de fazer o que eu faço: eu poderia estar no meu quarto um dia, quando um único pensamento pode provocar uma enorme aventura”.

Créditos Totais:Bridgit Mendler Br. Disney Channel Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

_Seja educado
_Todos Podem Comentar exceto anônimos